quinta-feira, 31 de julho de 2008

Brasil perde na disputa o bronze para o México

Alejandra Flores fez 4 gols

Gabi Leme fez os 7 gols brasileiros


A seleção brasileira feminina de pólo aquático perdeu nesta 5ª feira (31/7) a medalha de bronze do Pan-Americano Júnior ao ser derrotada pelo México por 8 a 7 (BRA 3 x 2 MÉX / 1 x 1 / 1 x 2 / 2 x 3) em partida que transbordou emoção no parque aquático do Paineiras do Morumby. As parcias da partida demonstram o equilíbrio constante em todo o jogo e que já havia acontecido na fase inicial, quando as brasileiras venceram por 5 a 4. O jogo teve uma disputa particular entre Gabriela Leme, do Brasil, e Alejandra Flores, do México, para saber quem seria a artilheira e destaque do jogo. Ambas deram um show de técnica e garra. Gabi fez todos os sete gols brasileiros, enquanto Alejandra marcou quatro vezes, sendo duas de pênalti. O jogo desandou para o Brasil no meio do terceiro quarto e início do último quando sofreu quatro gols seguidos das mexicanas e ficou três gols atrás no marcador. E buscar a igualdade lutando contra o relógio traz tensão, o que provoca erros, que normalmente não acontece como o gol perdido pela capitã Gabi Mantellato entre o sexto e o sétimo gols brasileiros.
Após a partida, o contraste natural numa disputa por medalhas: choro e tristeza das brasileiras e alegria incontida das mexicanas, que mudaram um quadro repetido nas sete edições femininas do campeonato, em que os EUA ficaram com o ouro; o Canadá com a prata; e o Brasil com o bronze.

Seqüência de gols:


1º quarto = México 1 a 0 (Alejandra#4 aos 7’01” de penalti) / Brasil 1 a 1 (Gabi Leme#2 aos 4’28”) / Brasil 2 a 1 (Gabi Leme#2 aos 2’07”) / México 2 a 2 (Liliana#8 aos 1’53”) / Brasil 3 a 2 (Gabi Leme#2 aos 1’32”)

2º quarto = México 3 a 3 (Alejandra#4 aos 6’13” de pênalti) / Brasil 4 a 3 (Gabi Leme#2 aos 20”)

3º quarto = Brasil 5 a 3 (Gabi Leme#2 aos 5’28”) / México 4 a 5 (Lorena#10 aos 4’09”) / México 5 a 5 (Liliana#8 aos 57”)

4º quarto = México 6 a 5 (Paola#2 aos 7’15”) / México 7 a 5 (Alejandra#4 aos 6’35”) / México 8 a 5 (Alejandra#4 aos 4’40”) / Brasil 6 a 8 (Gabi Leme#2 aos 4’08”) / Brasil 7 a 8 (Gabi Leme#2 aos 52”)


Brasil - 1 – Camila Albuquerque / 2 – Gabriela Leme (7) / 3 – Patrícia Marcondes / 4 – Diana Monteiro / 5 – Mirella Coutinho / 6 – Nathalie Toquetti / 7 – Hanna Silveira / 8 – Adhara Lavatori / 9 – Thalita Lavatori / 10 – Sophia Bittencourt / 11 – Marcela Braga / 12 – Gabriela Mantellato (capitã) / 13 – Laura dos Santos Técnico: Frank Diaz / Auxiliar-técnico: Antônio Canetti


México - 1 – Brenda Felix / 2 – G. Paola Mondragon Martinez (capitã) (1) / 3 – Raquel Escutia Garcia / 4 – E. Alejandra Flores Livas (4) / 5 – Marcela Amador Morgan / 6 – N. Fernanda Morales Alvarez / 7 – Doris C. Álvares Salinas / 8 – Liliana E. Rodrigues (2) / Huerta / 9 – Jazmin Gallegos Leon / 10 – Lorena Itzel Sanchez Baz (1) / 11 – Daniela Salazar Coriel / 12 – Carina Carballo Chanton / 13 – Maria Jose Amarillas Virgen Técnico: Alfredo Souza Martinez


Árbitros – Delvalle (Porto Rico) / Paredes (Venezuela)


Fonte: CBDA

5 comentários:

Su disse...

já é hora de pensar no 93 e 95. para a CBDA não ter mais surpresas como essa. que já não deveria mais ser ser surpresa. se o trabalho do 93 e 95 iniciar ontem dá tempo de fazer alguma coisa. Só pra lembrar os EUA estavam com uma equipe 93.

vlw

Su

Anônimo disse...

Algumas atletas americanas eram 92.
So pra criticar : a exceção de 3 ou 4 atletas brasileiras o resto
e´para despensar !!! Nao tem bases
para criar se quer 4 teams femininos em tudo o brasil
imagine para criar uma seleçao 91 !!!

Anônimo disse...

cite as 4

Anônimo disse...

os tecnicos estao sabendo. Nao e´o caso citar as 4.
Obrigada

Anônimo disse...

eeeeey!! sale mi foto=)

soy alejandra flores de Mexico...
y estoy feliz de ver mi foto aqui... aunque no entiend nada en portugues jajaja

bueno un saludo a todas

Campeãs de 2008

Campeãs de 2007